Agnosticismo e Gnosticismo

Data

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Data: 28-Abr-2018
De: Saimon do Rosario
Cidade: Rio Grande do Sul
Assunto: Agnosticismo e Gnosticismo

***

Poderia me mandar um curto resumo sobre as diferenças basicas entre:

Agnosticismo e Gnosticismo ?

***

Resposta

Salve Maria.

A palavra gnosticismo pode designar duas realidades, diferentes, mas interligadas:

  1. Designa o fundo comum de um conjunto de heresias do cristianismo primitivo, as quais, basicamente, concebem a divindade como um princípio autocontraditório em contínua evolução, que teria sido aprisionado na matéria por um princípio igual e contrário a ele – o Deus criador da Bíblia – e que evoluiria, ao longo da história em direção a uma libertação total da matéria.
  2. Designa também, de modo lato, todos os movimentos posteriores que adotam pensamento análogo, ou seja, a gnose, e isso inclui desde as raízes do pensamento protestante – que mergulha na gnose hussita -, os grandes expoentes da arte renascentista, todo o movimento romântico, as raízes do pensamento marxista, a arte moderna, o movimento hippie e o atual movimento ecológico.

Sobre isso, recomendo-lhe que leia os seguintes textos. Em alguns deles você encontrará bibliografia que lhe permitirá aprofundar-se mais, caso deseje. Um livro que vale a pena ler, para quem quer conhecer o tema é La postériré spirituelle de Joaquin de Flore.

 

http://www.montfort.org.br/bra/cartas/gnose/20060330001409/

http://www.montfort.org.br/bra/veritas/religiao/gnose/

http://www.montfort.org.br/bra/cartas/gnose/

http://www.montfort.org.br/bra/home/busca/?q=gnosticismo

 

Agnosticismo é a doutrina que afirma que o homem não tem capacidade de conhecer o ser. Que a razão não é um instrumento adequado para apreensão do universo. Está na raiz do ateísmo. Frequentemente os movimentos gnósticos são agnósticos, no sentido em que consideram a razão como uma criação do princípio mal, que aprisionou a divindade na matéria.

Sobre isso, recomendo-lhe a leitura deste trabalho:

http://www.montfort.org.br/bra/cadernos/religiao/religiao_vaticano_ii_parte_1/

 

Sobre tudo isso, você também pode assistir dois vídeos que estão na rede:

https://www.youtube.com/watch?v=ukp8sGiO2dE

https://www.youtube.com/watch?v=kuQAG1GApdc

 

Nossa Senhora o ilumine em seus estudos.

Salve Maria.

Ivone Fedeli