Prof. Orlando Fedeli

Em recente aula de um curso de pós-graduação na PUC de São Paulo, o professor que ministrava o curso afirmou que a obra do Prof. Orlando Fedeli mereceria ser mais estudada. É uma afirmação com a qual absolutamente concordo. Não porque o Professor, como o chamávamos com carinho – e como fiz questão de chamá-lo na dedicatória de dois trabalhos acadêmicos, apesar dos laços sacramentais de nosso casamento de 22 anos – não porque o professor, dizia eu, pretendesse ter qualquer doutrina original, própria, que se afastasse mesmo milimetricamente da pura doutrina da Igreja Católica, à qual aderia corde magno et animo volenti . Mas porque, homem inteligente e de vastíssima cultura, adquirida em 55 anos de estudo e reflexão constantes, chegara a certas sínteses esclarecedoras que permitem ver com clareza as engrenagens de muitas ideias e situações históricas intrincadas. E também porque, Professor acima de tudo, sabia transformar conceitos complexos e ideias altamente abstratas em aulas, artigos e estudos capazes de serem entendidos e absorvidos por alunos de praticamente todos os níveis e apreciados por estudiosos de grande especialização. Era capaz que ensinar as provas da existência de Deus a alunos de 7º ano, como concretamente fez com minha turma no colégio estadual em que fui sua aluna, e de escrever trabalhos, como o Antropoteísmo – A religião do homem, cuja profundidade e clareza foi comentada por eclesiásticos de alto nível.

Por isso sempre desejei poder reunir sua obra completa num conjunto uno e acessível, que possibilitasse a quem quisesse pesquisar conceitos, comparar temas, escolher itens específicos de estudo em vários trabalhos. Até alguns anos atrás, isso se faria com a publicação de uma coleção de volumes impressos, uma Opera omnia de vários tomos, a que uns poucos interessados poderiam ter acesso. Hoje, fazemo-lo assim, por sua publicação em um site, onde, realmente, tudo estará disponível a todos os que se interessarem, num só lugar, de forma ordenada e orgânica.

Desde jovem, meu marido fizera seu o lema de Dom Bosco: da mihi animas, caetera tolle – dai-me almas, o resto, tirai – e toda a sua vida não teve outro interesse senão o apostolado. A esse objetivo tudo estava subordinado. Se estudava, se lia, se escrevia, se falava, se gravava vídeos e áudios era sempre com um único intuito: tornar conhecido e amado a Nosso Senhor Jesus Cristo, tornar conhecida e amada a Santa Igreja Católica. De temperamento aguerrido, por isso atacava, por isso discutia, por isso polemizava. Com as questões que o envolviam pessoalmente sempre foi paciente, embora sofresse agudamente, dado seu temperamento fortemente emotivo. Mas quando se tratava da doutrina católica, de Nosso Senhor, de Nossa Senhora ou da defesa da Igreja, combatia com vigor e entusiasmo, defendia com coragem e viveza. Tudo isso se poderá constatar no conjunto de textos, vídeos e áudios agora apresentado pela Flos Carmeli Estudos.

A todos os que se forem servir dos trabalhos de meu marido, peço uma Ave-Maria por intenção dele.

Deus pague a todos e lhes faça aproveitar para o serviço de Deus e da Igreja aquilo que para o serviço de Deus e da Igreja foi produzido.

Salve Maria.

Ivone Fedeli

Artigos Orlando Fedeli

Cartas Orlando Fedeli

Podcast Orlando Fedeli